Você sabia que os cavalos podem formar pedras no intestino?


Olá leitores do Equestre Online. Como estamos no período de férias pensei em trazer algo interessante para nós. Uma das coisas que eu mais gosto no meio dos cavalos é que eu estou sempre aprendendo. Quanto mais tempo passo, mais aprendo. É uma fonte inesgotável de conhecimento.

Estava um dia na hípica conversando com umas amigas quando uma delas contou: “Vocês sabiam que meu cavalo expeliu uma pedra? Não, na verdade não era uma pedra, estava mais para um pedregulho de quase 3 kg?

Eu pensei: como assim? Nunca ouvi falar sobre isso….e como o tema me chamou a atenção fui pesquisar. Mas como tudo surgiu de uma conversa informal, tive que pesquisar bastante. Então encontrei um diagnóstico relativamente moderno, que apresenta o problema da “acidez intestinal“, que explica a formação das tais “pedras”.

A acidez intestinal, ou também chamada de úlceras intestinais, é atribuída a um conjunto assustador de sintomas que vão desde a falta de apetite, cascos rachados ou mesmo qualquer característica de comportamento indesejável que o cavalo possa apresentar. E, se o quadro não fosse ruim o suficiente, praticamente não há nenhuma justificativa científica para o problema.

As “Pedras” chamadas cientificamente de Enterólitos se formam dentro dos intestinos do cavalo quando os minerais se acumulam em torno de um núcleo de material não digerível pelo cavalo. O núcleo pode ser qualquer coisa como um fragmento de madeira, pedaço de corda ou cercas. A maioria dos enterólitos é formada de estruvite, que é um composto de fosfato de magnésio e amônia.

Alguns fatores foram identificados como de riscos para a formação dos enterólitos: Alta ingestão de magnésio, fósforo ou proteínas. A amônia formada pela quebra bacteriana da proteína. Os fatores de risco podem variar, mas como regra, se forma em um ambiente alcalino no intestino grosso. Se você está alimentando seu cavalo um produto para aumentar o pH para reduzir a acidez no intestino grosso você está aumentando o risco de formação de enterolitos, especialmente se o cavalo não precisar. Um pH ligeiramente ácido (6 ) é normal para o ceco.

Mas será que meu cavalo tem alguma pedra? Eu devo me preocupar?  Bem, primeiramente, verifique se o seu cavalo possui algum sintoma ….Tratar uma condição que não existe pode ser muito prejudicial. Se você está preocupado com a acidez intestinal, peça ao seu veterinário para testar primeiro o pH fecal.

Todo o conteúdo é apenas para fins informativos. Entre em contato com seu veterinário se você tiver qualquer dúvida sobre a saúde de seus animais.

foto de pedra retirada do intestino de um cavalo


Se gostou compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são necessários *

*

Paste your AdWords Remarketing code here